| Publicado em: 28/07/2017 15:00:00

As roupas esportivas brasileiras e artefatos de couro têm espaço na Colômbia, mas para ingressar neste mercado, as empresas devem estabelecer um modelo de negócios diferenciado, com agregação de valor e lançamento de coleções em curto espaço de tempo, mais alinhadas às exigências dos consumidores.

As informações foram repassadas pelos organizadores da feira ColombiaModa à delegação brasileira, integrada por empresas de seis Estados, entre eles, Santa Catarina.

A feira, realizada em Medellín, é uma das principais do segmento na América Latina. A missão, que segue até o dia 29 de julho, é articulada pela Federação das Indústrias de Santa Catarina (FIESC) em conjunto com a Confederação Nacional da Indústria (CNI) e Apex-Brasil.

A presidente da Câmara de Comércio Exterior da FIESC, Maria Teresa Bustamante, que participa da missão, afirma que novos negócios para as empresas catarinenses se mostram muito claros a partir do momento que tem um acordo assinado entre Mercosul e Colômbia, reduzindo as tarifas.

“Mas a grande sacada vai ser aproveitar não só a redução da tarifa entre Mercosul e Colômbia, mas olhar o fato de a Aliança do Pacífico, formada por México, Chile, Peru e Colômbia, também terem reduzido a zero as alíquotas dos setores de confecções e têxteis. Então, neste momento, para esses setores, a Colômbia deverá ser um caminho para buscar alianças estratégicas, entender o novo modelo de negócios, que é uma ruptura com o anterior, com maior velocidade na escolha do que o consumidor efetivamente vai querer comprar para poder ser produzido”, avalia.

A feira tem 650 expositores de 90 países e reúne os segmentos moda íntima, moda praia e fitness, infantil, jeanswear, bolsas e acessórios, componentes, insumos e design. Até o momento, o estande do Brasil já realizou 54 encontros de negócios com potenciais compradores.

A missão tem o objetivo de prospectar oportunidades de negócios, parcerias e fortalecer a rede de relacionamento na Colômbia e América Latina, incrementar o comércio do setor e monitorar tendências.

Segundo Maria Teresa, na feira, especialistas estão chamando a atenção para a velocidade extrema das mudanças no mercado, para a produção flexível e altamente voltada a atender os desejos do consumidor.

“Não tenho dúvida que o empresário que aqui participou sairá com muito mais conhecimento, animado e motivado a investir na abertura do mercado da Colômbia, mas também se preparando para enfrentar no Brasil uma concorrência acirrada da Colômbia porque é obvio que não podemos desprezar a possibilidade de o colombiano desvendar o mercado brasileiro”, concluiu. 

A Colômbia é a quarta maior economia da América Latina e uma das mais dinâmicas da região.

A classe média colombiana duplicou, passando de 15% para 30% da população, e a taxa de pobreza foi reduzida de 50% para 35%. O setor têxtil colombiano é um dos mais relevantes da América Latina e representa um mercado de grandes oportunidades devido à situação atual de desenvolvimento econômico.



A certificação ITIL mudou mas continua requisitada pelas empresas
FGV abre inscrições para cargos no Tribunal de Justiça de SC
Projetos da A2C são os vencedores do 5º Startup Weekend
Prefeitura de Blumenau disponibiliza aplicativo do SUS com Inteligência Artificial
Patrocinado
Patrocinado
Patrocinado
Patrocinado
Patrocinado

Blog do Editor






















Patrocinado
Patrocinado
Patrocinado
Patrocinado



Patrocinado
Patrocinado
Patrocinado


Patrocinado
Patrocinado
Patrocinado

Agenda Executiva

Encontre cursos, palestras e eventos em Santa Catarina

Patrocinado
Patrocinado
Patrocinado

Empregos

Pensou em mudar de empregou ou carreira?
Encontre sua nova vocação

Patrocinado
Patrocinado


As mais lidas







Reprodução

Permitimos a livre reprodução do conteúdo, respeitados os contextos da edição. Agradecemos a citação da fonte - www.noticenter.com.br

Endereço

Rua Petrópolis, 206 - CEP 89010-240 - Blumenau - SC
Telefone (47) 3035-4314 | (47) 3035-4316

Receba em seu e-mail



Visite as Redes Sociais

Capa | Cidades | Blog do Editor | Legislação | Carreiras | Entidades | Gestão | Indústria | Logística | Marketing | Tecnologia | Têxtil | Imóveis | Saúde | Veículos |