Gestão | Publicado em: 15/02/2017 14:50:00

Um líder verdadeiro é respeitado, não temido. Admirado, não invejado. Conquistar o respeito e a admiração de uma equipe requer mais que tapinhas nas costas ou sorrisos largos. Uma liderança eficiente exige inteligência emocional, que é fundamental para o crescimento tanto do líder, quanto de seus liderados. E tão importante quanto esse equilíbrio, é a resiliência para manter o foco e a excelência diante dos desafios diários. A soma dessas duas habilidades é determinante para um gestor de equipe administrar conflitos internos.

Afinal, em uma organização com dezenas, centenas de colaboradores, é natural que hajam diferenças de ideias, opiniões, perfis e personalidades. Apesar de seguirem normas e obedecerem a regras de ética e comportamento, nenhum colaborador é igual.

As reações a elogios e críticas são distintas, assim como as habilidades, as competências e as motivações. Em meio a esse cenário de contrastes, o desafio do líder é saber explorar os potenciais de cada um, delegando tarefas que otimizem as competências existentes, mas também focando no aprimoramento de fraquezas.

Saber administrar conflitos, independentemente do tamanho, segmento da empresa ou perfil dos profissionais, requer mais do que formação específica, conhecimento técnico ou visão global do negócio. É preciso sensibilidade para reconhecer carências, identificar talentos e saber lidar com ambição e insatisfação individual e coletiva.

Na verdade, gerir egos e saber lidar com as emoções alheias é o que diferencia um líder excelente de um chefe comum. Com diálogo, flexibilidade, firmeza, boa comunicação e bom senso, um líder primeiro direciona o profissional para o seu crescimento, para depois conduzir a equipe ao sucesso e, consequentemente, a empresa à excelência.

Enfim, é certo que cada organização tem sua cultura e objetivos, e cada liderado tem sua mentalidade, conciliada aos seus anseios pessoais e profissionais. Conflitos e divergências surgirão, é inevitável. Porém, já que não se pode evitar, que se use cada situação como um aprendizado, como uma oportunidade para, ao invés de desmotivar, estimular a competividade sadia e unir a equipe em prol dos mesmos objetivos e resultados

Se interessou sobre o assunto? Quer ser um líder diferenciado?  A Fundação Fritz Müller oferece o curso de Administração de Conflitos para gestores, supervisores, gerentes de projetos, líderes e demais profissionais que vivenciam este tipo de situação em sua rotina de trabalho.

O curso visa desenvolver habilidades para se comunicar assertivamente e utilizar ferramentas que subsidiem a mediação de conflitos. Conheça mais o curso no site.


Linha Direta

Fundação Fritz Müller
(47) 3057-8001
www.fundacaofritzmuller.com.br


Encontro de varejo marca 10º aniversário da Tidas
Barbearia VIP recebe prêmio no Rio de Janeiro
CDL de Florianópolis traz Bernardinho do vôlei para o Inova+Ação
Fersul estima geração de quase R$ 10 milhões em negócios
Patrocinado
Patrocinado
Patrocinado
Patrocinado
Patrocinado

Blog do Editor






















Patrocinado
Patrocinado
Patrocinado
Patrocinado



Patrocinado
Patrocinado
Patrocinado


Patrocinado
Patrocinado

Agenda Executiva

Encontre cursos, palestras e eventos em Santa Catarina


Empregos

Pensou em mudar de empregou ou carreira?
Encontre sua nova vocação



As mais lidas







Reprodução

Permitimos a livre reprodução do conteúdo, respeitados os contextos da edição. Agradecemos a citação da fonte - www.noticenter.com.br

Endereço

Rua Petrópolis, 206 - CEP 89010-240 - Blumenau - SC
Telefone (47) 3035-4314 | (47) 3035-4316

Receba em seu e-mail



Visite as Redes Sociais

Capa | Cidades | Blog do Editor | Legislação | Carreiras | Entidades | Gestão | Indústria | Logística | Marketing | Tecnologia | Têxtil | Imóveis | Saúde | Veículos |