Indústria | Publicado em: 16/10/2017 12:45:00

A falta de mão de obra técnica profissional pode interferir de forma grave no crescimento das indústrias de Santa Catarina nos próximos anos. 

De acordo com o Mapa do Trabalho Industrial 2017-2020, elaborado pelo Senai, os estados da região Sul do país vão precisar qualificar cerca de 350 mil trabalhadores de nível técnico para atender as demandas locais.

Para o deputado federal João Paulo Kleinübing, do PSD de Santa Catarina, o crescimento econômico desejado pelo país só será possível se houver investimentos fortes na qualificação profissional da população. 

Ele explica que a responsabilidade de preparar os jovens para o mercado de trabalho é dos estados: “O Brasil para ter níveis de crescimento adequados, para aumentar a produtividade da economia brasileira, precisa passar por um forte investimento em ensino técnico. Esse tem que ser um compromisso especialmente dos estados, a quem compete a questão do ensino médio, de investir, de preparar as escolas técnicas para poder receber esse aluno, formá-lo e estimulá-lo ao mercado de trabalho.”

Em Santa Catarina, alguns setores demonstram crescimento, mas as horas trabalhadas na produção industrial caíram quase meio por cento em julho, em comparação com o mesmo período de 2016. 

Os números são da Federação das Indústrias de Santa Catarina. 

A produção de alimentos no estado cresceu 7%.

A metalurgia registrou alta de 4%. 

Já as vendas, registraram crescimento de aproximadamente 15% nas indústrias de informática e produtos eletrônicos.

O presidente do Sindicato da Indústria da Informática de Santa Catarina, Alexandre Cunha, ressalta que a mão de obra qualificada é fundamental para o setor. 

Ele lembra que as empresas somam forças com o governo do estado para capacitar os trabalhadores. No entanto, o esforço não é suficiente para garantir o número necessário de técnicos profissionais que atendam as demandas do estado na indústria:
“Já temos uma parceria grande com o governo do estado. Ainda não é possível suprir toda demanda. Os investimentos na Educação não ocorrem de forma rápida. A mão-de-obra e os recursos humanos são peças chave nessa indústria, que é muito baseada em conhecimento".

O Mapa do Trabalho Industrial 2017-2020 do Senai aponta a necessidade de qualificar cerca de 13 milhões de técnicos profissionais para atender demandas das indústrias em todos os estados. 

As áreas com maior necessidade de profissionais são: construção, meio ambiente e produção, e metalmecânica. 

O setor industrial de Santa Catarina possui empregabilidade de 83% nos cursos de formação técnica. 

Em média, os salários pagos para os profissionais técnicos podem ultrapassar R$ 6 mil em determinadas áreas, como os operadores de equipamentos em indústrias químicas.


MAPA DA PRODUÇÃO EM SC

O estado de SC tem uma característica peculiar, com a predominância de diferentes setores da indústria. 

Então, as unidades do Senai buscam acompanhar o desenvolvimento industrial, que de acordo com as tendências locais, desenvolvem novos cursos técnicos e superiores.

Por exemplo, o Oeste do estado predomina o setor da Indústria Alimentar. Já o Vale do Itajaí, na região de Blumenau, há uma vasta expansão da indústria têxtil. 

Em Joinville, que é a área mais industrializada do estado, há predominância da indústria Metal Mecânica.

Outro destaque na economia catarinense é a indústria automotiva e conexões em ferro, para redes hidráulicas e gás. Santa Catarina também é líder nacional em eletroferragens galvanizadas a fogo para distribuição de energia elétrica, telefonia e TV a cabo, além de parafusos e porcas e produtos para jardinagem.

Outro destaque para o estado é o fortalecimento da indústria 4.0, ou a Quarta Revolução Industrial, com os chamados cursos “Senai 4.0” com novas tecnologias independentes dos setores econômicos, já mapeadas nos diversos relatórios mundiais e também nos relatórios no Brasil (MDIC e MCTI). Portanto, de acordo com a demanda, são oferecidos cursos como Internet das Coisas, Big Data, Tecnologia da Informação e Segurança Digital.
 




Celesc registra o melhor desempenho dos últimos nove anos
Cerveja Blumenau irá lançar dois rótulos e uma nova linha de cervejas da marca
Laboprime conquista revalidação da acreditação pelo INMETRO
Paviloche lança sabor de sorvete escolhido em concurso online
Patrocinado
Patrocinado
Patrocinado
Patrocinado
Patrocinado

Blog do Editor






















Patrocinado





Agenda Executiva

Encontre cursos, palestras e eventos em Santa Catarina


Empregos

Pensou em mudar de empregou ou carreira?
Encontre sua nova vocação



As mais lidas







Reprodução

Permitimos a livre reprodução do conteúdo, respeitados os contextos da edição. Agradecemos a citação da fonte - www.noticenter.com.br

Endereço

Rua Petrópolis, 206 - CEP 89010-240 - Blumenau - SC
Telefone (47) 3035-4314 | (47) 3035-4316

Receba em seu e-mail



Visite as Redes Sociais

Capa | Cidades | Blog do Editor | Legislação | Carreiras | Entidades | Gestão | Indústria | Logística | Marketing | Tecnologia | Têxtil | Imóveis | Saúde | Veículos |