Logística | Publicado em: 27/10/2017 21:30:00

Pesquisa realizada pelo Instituto Pesquisas Vox Civitas indica que cresceu a aceitação da população refrente à instalação do Porto Brasil Sul, na região da Ponta do Sumidouro, em São Francisco do Sul.

A pesquisa foi realizada entre os dias 21 e 22 de outubro em todos os bairros de São Francisco do Sul.

Foi adotada uma forma de abordagem direta, com questionário elaborado e estruturado pelo Vox Civitas.

A margem de erro é de 3,5 pontos percentuais, para mais ou para menos.

O grau de confiabilidade é de 95%.

É possível verificar melhora considerável em todos os quesitos, tanto na aceitação da população em relação ao empreendimento, mas principalmente em relação aos benefícios socioeconômicos.

Sobe de 60%, na pesquisa realizada em agosto, para 71% os que acreditam que o novo porto, previsto para entrar em operação no começo da próxima década, trará benefícios para o município. O índice dos que não acreditam caiu de 20% para 15%.

"Notamos que a população percebe, claramente, que o Porto Brasil Sul é mais uma alternativa de desenvolvimento, de emprego e de oportunidades de empreendedorismo para todo o município, trabalhando ao lado dos outros portos e terminais instalados na Baía”, avalia Marcus Barbosa, diretor da WorldPort Desenvolvimento Portuário, empresa gestora do Porto.

O item que mais chama a atenção para a população é o emprego - citado por 71,5% - e o desenvolvimento, por 21,7%. Segundo estudo da empresa LPC Latina, o Porto Brasil Sul irá gerar 3 mil empregos diretos quando estiver totalmente em operação.

Quanto a possibilidade de permitir que um porto se instale, a autorização aumentou de 45% para 61%. Em contrapartida, a porcentagem dos que não deixariam, se pudessem decidir, caiu de 35% para 28%.

Sobre a possibilidade do porto prejudicar o turismo a cidade, na primeira pesquisa,  35% acreditavam que haveria algum impacto. Hoje esse número caiu  qua 10 por cento.. Já os que acreditam que o Porto Brasil Sul trará novos investidores saltou dos 76% para 85%.

“Nós entendemos que iremos agregar ao turismo de São Francisco do Sul, apoiando e fomentando o turismo de negócios durante todo o ano”, avalia Marcus Barbosa.

 

SOBRE O EMPRENDIMENTO

O Porto Brasil Sul (PBS) será o maior porto da região Sul e o quinto maior multicargas do País, dispondo de sete terminais e oito berços de atracação, com movimentação projetada de 20 milhões de toneladas/ano.

O projeto foi desenvolvido como um Hub Port - porto concentrador de cargas e de linhas de navegação - do Mercosul, com capacidade para receber, em médio prazo e após as obras de adequação do canal de acesso, os navios da classe Post Panamax, as maiores embarcações de carga do mundo, com capacidade para até 18 mil TEUs e 220 mil toneladas.

A estimativa é que a primeira etapa seja entregue em meados de 2021. Durante o período de obras, que levará entre cinco e seis anos, serão gerados 2,4 mil empregos diretos.

 

AUDIÊNCIA PÚBLICA

A Fundação do Meio Ambiente (Fatma) e a WorldPort Desenvolvimento Portuário realizam dia 13 de novembro, às 19 horas, a audiência pública para apresentação do projeto do Porto Brasil Sul para a comunidade.

A nova audiência pública será realizada na Casa de Festas e Eventos - Clube Querência, na Rodovia Duque de Caixas, quilômetro 6,2, bairro Reta, São Francisco do Sul. No local será montada estrutura para, no mínimo, 2 mil pessoas.

Na reunião, serão apresentados os resultados dos Estudos Ambientais que constam no Relatório de Impacto de Meio Ambiente (RIMA), além de ser um espaço para sugestões e esclarecimento de dúvidas sobre o empreendimento.

A audiência pública faz parte do processo de licenciamento ambiental, conforme regulamentação em âmbito federal pela Resolução CONAMA n. 09/87 e estadual pelo Decreto n. 2.955/10.

Além dos representantes da Fatma e do empreendedor (WorlPort), estarão presentes na reunião: a consultoria ambiental TetraTech, que realizou os estudos ambientais, a LPC Latina, responsável pelo projeto do porto, e a KPMG, que fez os estudos de viabilidade econômico-financeira.

 

BENEFÍCIO

Geração de Empregos. Durante o período de obras, que levará entre cinco e seis anos, serão gerados 2,4 mil empregos diretos. A KPMG estima ainda que serão gerados 36 mil empregos diretos e indiretos em 2030, quando o porto já estará em plena operação.

Geração de Renda. Além da geração de empregos, que consequentemente irá movimentar a economia local, os efeitos diretos, indiretos e induzidos dos investimentos para instalação do empreendimento resultarão em aumento do Produto Interno Bruto (PIB) de R$ 9,6 bilhões a ser realizado ao longo das três fases de implantação – entre 2016 e 2030.

Cuidados com o Meio Ambiente. Compensações ambientais previstas incluem a compra e preservação de 215 hectares e a destinação de aproximadamente R$ 20 milhões para o Sistema Nacional de Unidades de Conservação (SNUC). A área de 215 hectares a ser adquirida como compensação pela supressão vegetal é quase o dobro dos 114 hectares no qual será implantado o empreendimento e deverá ser no mesmo bioma - animais e vegetação - presente na região do Sumidouro. A proposta de compensação é parte do licenciamento ambiental e está em análise pela Fatma. A outra compensação, que segue a Lei 9.9825/2000, conhecida como “Lei do SNUC”, é realizada para o investimento em unidades de conservação de proteção integral, que podem ser federais, estaduais e municipais. Os recursos do SNUC são utilizados para potencializar o papel das unidades de conservação, de modo que sejam planejadas e administradas de forma integrada, conservando os ecossistemas e a biodiversidade.

 

SERVIÇO
O quê
: Audiência Pública para apresentação do Porto Brasil Sul
Quando: 13 de novembro, às 19 horas.
Onde: Casa de Festas e Eventos - Clube Querência (Rodovia Duque de Caixas, quilômetro 6,2. Bairro Reta - São Francisco do Sul.
Saiba mais: www.portobrasilsul.com.br


Linha Direta

Porto Brasil Sul
(47) 3444-8114
www.portobrasilsul.com.br


Ligação Florianópolis-Curitiba é a segunda melhor do País
São Bento do Sul promove I Congresso Empresarial Capital dos Móveis
Feira de logística troca Chapecó por Joinville
Solução da Multilog agiliza e integra informações para os clientes
Patrocinado
Patrocinado
Patrocinado
Patrocinado

Blog do Editor






















Patrocinado





Agenda Executiva

Encontre cursos, palestras e eventos em Santa Catarina


Empregos

Pensou em mudar de empregou ou carreira?
Encontre sua nova vocação



As mais lidas







Reprodução

Permitimos a livre reprodução do conteúdo, respeitados os contextos da edição. Agradecemos a citação da fonte - www.noticenter.com.br

Endereço

Rua Petrópolis, 206 - CEP 89010-240 - Blumenau - SC
Telefone (47) 3035-4314 | (47) 3035-4316

Receba em seu e-mail



Visite as Redes Sociais

Capa | Cidades | Blog do Editor | Legislação | Carreiras | Entidades | Gestão | Indústria | Logística | Marketing | Tecnologia | Têxtil | Imóveis | Saúde | Veículos |