Logística | Publicado em: 08/12/2017 10:00:00

Os sistemas de refrigeração em supermercados, lojas de conveniência, padarias, bares e restaurantes são os grandes responsáveis em manter os produtos bem conservados, e isto se reflete diretamente na qualidade do produto.

Por isso, é importante que os equipamentos estejam com a manutenção em dia para garantir a melhor performance.

Para auxiliar os donos do negócio e os técnicos refrigeristas, especialistas da Embraco, empresa especializada em soluções para refrigeração, com sede em Joinville, apresentam algumas recomendações:

Importante frisar que procedimentos de diagnóstico e manutenção em sistemas de refrigeração só podem ser executados por profissionais capacitados.

Confira as dicas abaixo:

1- Considere a aplicação do sistema de refrigeração: A solução de refrigeração precisa ser selecionada de acordo com a
aplicação, como balcões frigoríficos e expositores de bebidas, por exemplo, e a capacidade necessária de refrigeração.

2- Cheque a tensão: Um dos pontos mais importantes na manutenção de um compressor é verificar a tensão. Ela deve estar sempre próxima da tensão elétrica (127 V ou 220 V).

3- Dispositivos frouxos podem ser a causa de ruídos: É fundamental verificar a fixação de todos os componentes para evitar o
afrouxamento ou até a soltura dos dispositivos. Isto também reduz o ruído do sistema. 

4- Limpe o condensador e desobstrua as passagens de ar: Limpe também o ventilador. O condensador sujo representa aumento de consumo de energia e perda de capacidade de troca de calor, reduzindo, assim, a capacidade de refrigeração. 

Para remover as impurezas, use água, pano ou ar comprimido. Já o ventilador sujo exige maior esforço do motor, que trabalhará sobrecarregado e consumirá mais energia, além de diminuir a vida útil de todo o sistema.

5- Fique de olho na instalação elétrica: Certifique-se de selecionar a solução de refrigeração que se alimenta da mesma tensão e frequência da rede elétrica. A instalação elétrica também deve ser adequada, atendendo aos requisitos técnicos e de segurança a fim de prevenir riscos ao equipamento e seus componentes.

6- Mantenha as portas ajustadas: Portas desalinhadas ou a gaxeta (borracha de vedação da porta) danificada ou descolada, provocam a entrada de calor externo.

7- Escolha o lugar ideal: O sistema de refrigeração não deve ficar exposto ao sol e em locais sem ventilação.

8- Prefira refrigerantes naturais: Eles aumentam a eficiência energética do sistema e não agridem a camada de ozônio.

9- Evite perdas e quebras: Para isso, a dica é optar por sistemas completos e autônomos de refrigeração como o Plug n’ Cool ou unidades condensadoras. Se algum equipamento falhar, outro consegue manter o frio do sistema até que haja o reparo.




Feistock movimentou R$ 14 milhões em vendas diretas


Azul inicia voos entre Navegantes e Buenos Aires


9 dicas para o bom funcionamento do sistema de refrigeração


Liminar permite que associados à ACII prossigam com atividades no Porto de Itajaí

Patrocinado
Patrocinado
Patrocinado

Blog do Editor






















Patrocinado





Agenda Executiva

Encontre cursos, palestras e eventos em Santa Catarina


Empregos

Pensou em mudar de empregou ou carreira?
Encontre sua nova vocação



As mais lidas







Reprodução

Permitimos a livre reprodução do conteúdo, respeitados os contextos da edição. Agradecemos a citação da fonte - www.noticenter.com.br

Endereço

Rua Petrópolis, 206 - CEP 89010-240 - Blumenau - SC
Telefone (47) 3035-4314 | (47) 3035-4316

Receba em seu e-mail



Visite as Redes Sociais

Capa | Cidades | Blog do Editor | Legislação | Carreiras | Entidades | Gestão | Indústria | Logística | Marketing | Tecnologia | Têxtil | Imóveis | Saúde | Veículos |