Tecnologia | Publicado em: 28/09/2017 17:00:00

O número de cidades que trocaram antigos sistemas de informática baseados em desktop pela cloud computing cresceu 60% entre os clientes da IPM Sistemas.

A empresa, que é especialista no desenvolvimento de plataformas para a gestão pública, começou a oferecer a tecnologia aos municípios em 2014, e de lá pra cá o ritmo de migração das estruturas antigas para a mais moderna aumentou ano a ano.

No primeiro ano em que ofereceu a novidade aos gestores municipais, 44 cidades passaram a usar a nuvem para armazenar informações e operar sistemas.

Em 2015, outras 47 aderiram à nova plataforma; para 2017

A previsão é encerrar o ano com mais 70 clientes migrados.

A substituição dos sistemas desktop por uma plataforma baseada na computação em nuvem é uma tendência mundial.

Na nuvem, os dados são mantidos em data centers de última geração, monitorados 24 horas por dia e acompanhados por especialistas em Tecnologia da Informação para que nunca fiquem indisponíveis.

Ao optar por esse tipo de serviço, as prefeituras podem ainda economizar com equipamentos e funcionários, já que a estrutura opera por meio da internet e nenhum servidor local é necessário.

Para a gerente de migração da IPM Sistemas, Raquel Dalpiaz, as maiores empresas do mundo e os governos preocupados com os dados dos cidadãos já substituíram seus sistemas.

“O sistema baseado em desktop é muito ultrapassado. Como ele precisa ficar fisicamente perto de onde os usuários estão, os dados inseridos ali podem ser comprometidos por um sinistro no prédio da prefeitura, por exemplo. Se acontece um incêndio ou uma inundação e não há um backup atualizado, tudo se perde”, explica.

Em Santa Catarina, diversas cidades contam com sistemas em cloud.

Em Rio do Sul, no Alto Vale do Itajaí, essa plataforma permitiu que a gestão pública funcionasse mesmo durante uma enchente que atingiu a região durante o primeiro semestre do ano.

Além de as informações permanecerem em local seguro, os gestores e técnicos conseguiam acessar os sistemas de qualquer lugar em que estivessem, sem precisar ir à sede administrativa municipal, graças à mobilidade dos sistemas web.

A plataforma em nuvem já funciona em prefeituras desde 2013, e hoje está presente em mais de 100 municípios.

A solicitação da migração pode ser feita por qualquer cliente IPM Sistemas.

 

SOBRE A IPM

A IPM Sistemas atua há 20 anos no desenvolvimento de soluções destinadas à gestão pública, com foco em redução de custos, maior disponibilidade, qualidade e eficiência no planejamento e execução de serviços. Prefeituras, câmaras de vereadores, fundos, autarquias e fundações estão entre os principais clientes que utilizam os sistemas IPM. A empresa, com sede em Florianópolis, conta com aproximadamente 300 profissionais, que atuam nas áreas de tecnologia e consultoria técnica, e oferecem atendimento às centenas de clientes espalhados pelo País.


Linha Direta

IPM
(48) 3031-7500
www.ipm.com.br


Último Meetup Startup SC do ano discute as dificuldades no mercado de tecnologia
Aplicativo All Doctors chega a Santa Catarina
SerasaConsumidor abre 20 vagas para desenvolvedores em Blumenau
Startup de Jaraguá do Sul lança a "internet dos peixes"
Patrocinado
Patrocinado
Patrocinado
Patrocinado
Patrocinado

Blog do Editor






















Patrocinado
Patrocinado
Patrocinado
Patrocinado





Agenda Executiva

Encontre cursos, palestras e eventos em Santa Catarina


Empregos

Pensou em mudar de empregou ou carreira?
Encontre sua nova vocação



As mais lidas







Reprodução

Permitimos a livre reprodução do conteúdo, respeitados os contextos da edição. Agradecemos a citação da fonte - www.noticenter.com.br

Endereço

Rua Petrópolis, 206 - CEP 89010-240 - Blumenau - SC
Telefone (47) 3035-4314 | (47) 3035-4316

Receba em seu e-mail



Visite as Redes Sociais

Capa | Cidades | Blog do Editor | Legislação | Carreiras | Entidades | Gestão | Indústria | Logística | Marketing | Tecnologia | Têxtil | Imóveis | Saúde | Veículos |