Entidades | Publicado em: 26/07/2017 12:15:00

A economia brasileira apresenta sinais de melhora, e a agricultura é um dos setores que mais se destaca nessa retomada. Só em junho, o segmento abriu 36.827 vagas formais de trabalho, segundo o Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged).

O número reforça a atuação do meio rural para o desenvolvimento do país e incentiva jovens a buscarem formação específica para o trabalho no campo.

Hoje existem diversos cursos, em nível universitário ou técnico, programas de capacitação, iniciativas governamentais e linhas de crédito que buscam mudar o cenário do êxodo rural e auxiliar tanto a agricultura familiar quanto o agronegócio.

Uma das iniciativas voltadas a agricultura familiar é o Escola Rural, realizado em várias cidades de Santa Catarina, Paraná e Rio Grande do Sul.

O projeto atende filhos de produtores rurais, para que eles aprendam a utilizar as tecnologias como uma ferramenta de auxílio em suas atividades no campo. Assim a produção das propriedades pode melhorar e o empreendedorismo é incentivado nas regiões.

O estudante do terceiro ano da Escola Família Agrícola de Santa Cruz do Sul, Diego Gustavo Scherer, desenvolve seu trabalho com sementes crioulas e a informática na sistematização das informações. Com o que aprende no Escola Rural ele pode ordenar suas experiências e melhorar a gestão da propriedade: “hoje conto com a tecnologia, produzindo tabelas e dados específicos das minhas produções. Assim consigo mostrar para as pessoas a viabilidade da agricultura familiar e das possibilidades concretas que tenho de fazer a sucessão na minha propriedade”.

Mostrar essas possibilidades aos alunos é um dos objetivos do projeto. “Conhecendo as potencialidades de sua propriedade e alinhando com as ferramentas certas, os alunos podem fazer uma gestão mais dinâmica e garantir a sustentabilidade do negócio familiar. Ao mostrar todo o potencial empreendedor que é possível aproveitar nas propriedades, esperamos que os alunos consigam aplicá-los e decidam continuar no campo”, afirma Cleusa Kreusch, coordenadora pedagógica do CDISC (Comitê para Democratização da Informática em Santa Catarina), órgão responsável pelo projeto.

Para ter mais informações de como participar do projeto e também apoiá-lo, os interessados podem entrar em contato pelo telefone (48) 3322-2020 ou pelo e-mail contato@cdisc.org.br.




Sescon Blumenau promove 4ª Semana Fiscal em Blumenau


Balneário Camboriú terá seminário para empreendedor


Tecnologia faz custeio de estados cair, diz estudo


2ª edição da Rodada de Negócios da CDL Jovem Blumenau recebe 70 empresas

Patrocinado
Patrocinado
Patrocinado
Patrocinado

Blog do Editor






















Patrocinado
Patrocinado





Agenda Executiva

Encontre cursos, palestras e eventos em Santa Catarina


Empregos

Pensou em mudar de empregou ou carreira?
Encontre sua nova vocação



As mais lidas







Reprodução

Permitimos a livre reprodução do conteúdo, respeitados os contextos da edição. Agradecemos a citação da fonte - www.noticenter.com.br

Endereço

Rua Petrópolis, 206 - CEP 89010-240 - Blumenau - SC
Telefone (47) 3035-4314 | (47) 3035-4316

Receba em seu e-mail



Visite as Redes Sociais

Capa | Cidades | Blog do Editor | Legislação | Carreiras | Entidades | Gestão | Indústria | Logística | Marketing | Tecnologia | Têxtil | Imóveis | Saúde | Veículos |
<—HiFRITZ—> <—HiFRITZ—>