Carreiras | Publicado em: 16/06/2017 07:00:00

Indiferente à crise econômica, consumidor de produtos e serviços de alto padrão continua em busca de novas experiências. O consultor empresarial Roberto Vilela destaca atitudes para que vendedores conquistem esse público e aumentem a rentabilidade nos negócios

 
Nem mesmo a crise econômica coloca um freio ao mercado de luxo. O segmento, composto por produtos e serviços para quem tem alto poder aquisitivo, deve crescer 5% no Brasil neste ano, segundo a Euromonitor. Em 2016, conforme estudo da Skift, o consumo global deste mercado cresceu 4%, representando um total de US$ 1,06 trilhão. Para vendedores de diferentes áreas, atingir o público A pode ser a solução para rentabilizar os negócios.

Para o consultor da Mega Empresarial, Roberto Vilela, é importante que o profissional esteja atento a sua postura e a forma como oferta seus produtos. “Quando falamos em vendas de alto padrão, precisamos pensar que estamos tratando de um consumidor que busca uma experiência diferente, exclusiva. Não é apenas o atender bem – que, inclusive, se aplica a qualquer situação ou público – mas proporcionar novidades que o façam perceber que vale a pena investir naquilo que se está sendo ofertado”, diz.

Roberto destaca quatro pontos que precisam ser observador pelos vendedores:

1 - Esteja atento ao relacionamento: “O comprador de alto padrão não exita em trocar de fornecedor se perceber que não é um cliente importante para aquele que o está atendendo. Isso faz com que o relacionamento seja constante, incluindo um cuidado especial no pós-venda. Seja um apartamento, uma viagem ou um relógio. É fundamental que você contate o consumidor para se certificar de que ele está satisfeito com o negócio realizado”, explica o consultor da Mega.

2 - Detalhes que fazem a diferença: para Roberto, é essencial que o vendedor fique atento a ações de fidelização. “Da embalagem em que o comprador vai levar o produto a surpresa que ele vai encontrar assim que chegar ao apartamento ou hotel. Neste tipo de venda, os cuidados com os detalhes vão definir a fidelização do cliente”, aconselha.

3 - Estude o mercado e as tendências: principalmente na área de serviços, o profissional precisa saber quais são as novidades que estão atraindo a atenção de consumidores desse segmento. Um prato que conquistou paladares nos restaurantes mais importantes, estilos de decoração, produtos com cores e diferenciais tecnológicos são algumas das questões que precisar ser sempre estudadas.

4 - Ofereça mais do que produtos: Roberto destaca que é imprescindível criar para o consumidor de perfil A uma experiência marcante. “O próprio ambiente em que se recebe o cliente precisa ser pensado nas preferências dele. Se for mostrar um apartamento, certifique-se antes da visita sobre o que ele espera encontrar e proporcione essa experiência. Questões sensoriais, como um perfume característico, um tapete aveludado são outras características que proporcionarão ao consumidor a satisfação que ele busca quando investe uma alta quantia”, finaliza.




Proway de Blumenau promove Workshop: Inovando o seu trabalho com ferramentas Autodesk
Empresas de SC abrem mais de 300 vagas
Seis cursos concentrados sobre cerveja acontecem em julho
O maior evento de educação da região Sul do Brasil apresenta as novidades do setor
Patrocinado
Patrocinado
Patrocinado
Patrocinado
Patrocinado

Blog do Editor






















Patrocinado
Patrocinado
Patrocinado
Patrocinado



Patrocinado


Agenda Executiva

Encontre cursos, palestras e eventos em Santa Catarina


Empregos

Pensou em mudar de empregou ou carreira?
Encontre sua nova vocação



As mais lidas







Reprodução

Permitimos a livre reprodução do conteúdo, respeitados os contextos da edição. Agradecemos a citação da fonte - www.noticenter.com.br

Endereço

Rua Petrópolis, 206 - CEP 89010-240 - Blumenau - SC
Telefone (47) 3035-4314 | (47) 3035-4316

Receba em seu e-mail



Visite as Redes Sociais

Capa | Cidades | Blog do Editor | Legislação | Carreiras | Entidades | Gestão | Indústria | Logística | Marketing | Tecnologia | Têxtil | Imóveis | Saúde | Veículos |