Blog do Editor | Publicado em: 16/03/2017 17:51:00
Por: Carlos Tonet

O aeroporto de Florianópolis passará a ser gerido pela empresa suíça Zürich pelos próximos 30 anos.

Espera-se, agora, que passe a funcionar como aeroporto de verdade e não como uma rodoviária gigante.

O aeroporto foi arrematado por ela por 83 milhões de reais, em leilão ocorrido hoje com outros três aeroportos.

O ágio foi de 58%.

Florianópolis foi o aeroporto com mais lances no leilão: 10. Porto Alegre teve seis e Fortaleza, quatro. O de Salvador teve apenas um.

O aeroporto de Porto Alegre foi arrematado por 290 milhões de reais.

O de Fortaleza por 425 milhões.

O de Salvador saiu por 660 milhões.

A alemã Fraport levou os aeroportos de Fortaleza e Porto Alegre.

A francesa Vinci ficou com Salvador.

O governo arrecadou 1 bilhão e meio de reais. O ágio foi de 93% sobre o mínimo de 754 milhões.

Desta vez as empresas irão operar os aeroportos sozinhas, sem ter o governo como sócio.

No governo Dilma, quem levou os aeroportos teve que carregar a Infraero nas costas como sócia na marra.




Em parceria com Volkwagen, Senai em Joinville revitaliza centro automotivo
Neovox assina campanha para a Diretoria do Bem-Estar Animal da Prefeitura de Florianópolis
Silmaq busca posicionamento como parceira em moda e design
Não confunda networking com inworking
Patrocinado
Patrocinado
Patrocinado
Patrocinado
Patrocinado

Blog do Editor






















Patrocinado





Agenda Executiva

Encontre cursos, palestras e eventos em Santa Catarina


Empregos

Pensou em mudar de empregou ou carreira?
Encontre sua nova vocação



As mais lidas







Reprodução

Permitimos a livre reprodução do conteúdo, respeitados os contextos da edição. Agradecemos a citação da fonte - www.noticenter.com.br

Endereço

Rua Petrópolis, 206 - CEP 89010-240 - Blumenau - SC
Telefone (47) 3035-4314 | (47) 3035-4316

Receba em seu e-mail



Visite as Redes Sociais

Capa | Cidades | Blog do Editor | Legislação | Carreiras | Entidades | Gestão | Indústria | Logística | Marketing | Tecnologia | Têxtil | Imóveis | Saúde | Veículos |